Built to Suit: saiba tudo sobre esse novo contrato que está ganhando cada vez mais força!

imagem

Fique por dentro dos principais tópicos sobre Built to Suit que gera tantas dúvidas, mas que pode ser uma ótima opção para você e para o seu negócio!

Built to Suit é um termo que muitas pessoas desconhecem e que por isso, acaba gerando um certo preconceito. Na tradução literal, significa “construído para se adequar”, que acaba se encaixando muito bem na sua função. Ele acaba sendo uma boa opção de negócio, tanto para o locador quanto para o locatário, visto que é uma nova forma de diminuir gastos e aumentar lucros de ambas as partes. 

E, apesar do modelo Built to Suit ser recente no Brasil, ele está se tornando cada vez mais comum, usual e que vem atendendo as necessidades de tantas pessoas, até mesmo investidores. Então, se você se interessou por esse assunto e quer saber mais como funciona, continue sua leitura!

O que é built to suit?

Então, para começar vamos enfim acabar com a dúvida em cima do que seria Built to Suit. Essa modalidade, nada mais é que um tipo de contrato de locação – considerado atípico, onde o imóvel em questão é construído especificamente para atender as necessidades do futuro locatário. 

Desta forma, o locatário interessado encomenda com o locador (dono do imóvel ou imobiliária) a obra ou reforma de um imóvel para que depois ele possa aluga-lo. E em troca, o contratante deve assumir os custos da construção nos pagamentos mensais referente ao aluguel. 

No geral, esse tipo de contrato é mais utilizado por indústrias ou comércios que possuam necessidades particulares para instalação e uso. Além disso, os contratos costumam ser de longo prazo, e quanto mais extenso for, mais o investimento será diluído nas prestações. Uma locação nesse molde costuma ter validade entre 15 e 20 anos, que costuma ser tempo suficiente para abonar e suavizar o valor investido no pagamento mensal. 

E por ser um contrato tão peculiar, novo e que possui inúmeros termos que não existem nos contratos padrões, acaba sendo uma opção atrativa e exatamente por isso, é preciso ser analisado e revisado rigorosamente, pelas suas especificações.

Além disso, as contratações em formato Built to Suit contam com muitas multas elevadas que torna a saída do locatário inviável. Porém, existe um artigo – 473 do Novo Código Civil, assegura o conceito de locação nesse modelo, onde a rescisão poderá ser realizada pelo usuário antes do prazo somente se os investimentos acordados já tiverem sido realizados. 

Como funciona?

Em primeiro lugar, é importante pesquisar e buscar muitas informações sobre esse assunto. 

O Built to Suit funciona com base em um projeto encomendando conforme as necessidades e exigências da empresa ou pessoa contratante. Para isso, é preciso considerar a estrutura de onde será a construção e o que ela demanda, pois são essas questões que decidirão e darão sequência a todo o projeto, assim como todo o planejamento, execução da obra e entrega das chaves. 

Assim como qualquer procedimento imobiliário, o Built to Suit compreende diversas características particulares como: rigor das especificações técnicas do futuro usuário, prazo apertado para conclusão quando se trata de grandes empresas. 

Vantagens do contrato Built to Suit

E se tratando das vantagens e benefícios do Built to Suit, separamos algumas para você ponderar porque essa condição é interessante para você.

  • Para quem aluga, ter a certeza de que o imóvel terá todas as especificações necessárias para o funcionamento é um ponto muito importante;
  • Possibilita diversificação de investimentos, uma vez que o valor que seria gasto para compra ou financiamento de um imóvel pode ser redirecionado;
  • Permite entregas em curto prazo;
  • O locatário não precisa se envolver nem se preocupar com questões de obra e construção;
  • Esse tipo de contrato oferece maior tranquilidade ao locador, pois ele sabe que o locatário só poderá sair do imóvel quando o contrato chegar ao final.

Riscos

Como todos contratos têm seus contras, e mesmo nesse caso tendo benefícios tão atrativos é claro que o Built to Suit não ficaria livre de riscos. Por isso, leia agora quais são os perigos típicos desse contrato.

  • Aluguéis caros: por ter diversas customizações e pedidos do locatário, acaba que os aluguéis desses contratos fiquem mais caros, visto que os valores desses procedimentos são repassados nas mensalidades, fazendo com que o aluguel fique um pouco além da realidade. Por isso, é importante lembrar que quando o contrato for finalizado, é muito possível que o locatário não renove o mesmo ou renove com um valor bem mais abaixo. 
  • Possibilidade de vacância no final do contrato: pelo Built to Suit ser um contrato onde há muitas especificações e que são personalizados especialmente para as exigências e atividades do locatário, é muito possível que ao final do contrato, caso o inquilino não queira renovar, o imóvel acabe ficando vago por um longo tempo. Isso ocorre justamente pelo fato de o imóvel não atender tantas pessoas assim devido a sua personalização. 

Como é feito o cálculo?

O modelo de cálculo do Built to Suit dispõe de uma série de complexidades que precisam de atenção e existem um algumas propriedades específicas que influenciam diretamente no valor, sendo elas:

  • Tamanho de terreno;
  • Localização do imóvel;
  • Especificidades da estrutura. 

Com isso, o tempo do aluguel também é um fator que afeta no preço do aluguel, quanto maior for o tempo de contrato, menor serão as mensalidades e o valor revestido nelas, sendo que um contrato Built to Suit pode ser renovado por até 50 anos. 

Embora essa modalidade de contrato ainda seja uma novidade no Brasil, o Built to Suit vem sendo considerado um modelo de investimento imobiliário com grande tendência e potencial de crescimento. Por conta disso, ele vem sendo cada dia mais viável a investidores, empresários e imobiliárias que visam crescer e inovar no mercado. 

Para firmar esse contrato, é recomendado uma assistência jurídica especializada no assunto e de confiança, para que você possa ser assegurado em todos os direitos e deveres durante toda a validade do contrato.Acesse nosso site para saber mais sobre Built to Suit e outros assuntos do universo imobiliário: www.gomesdealmeidaimoveis.com.br e para mais dicas e conteúdos como esses, leia nosso blog mensal: www.gomesdealmeidaimoveis.com.br/blog

Izabella Penna

Izabella Penna

O que achou dessa matéria? Deixe sua opnião abaixo:

Sobre nós

Buscar a excelência nos serviços com soluções imobiliárias personalizadas para os seus clientes. Este é o objetivo da GOMES DE ALMEIDA IMÓVEIS, a partir da vasta experiência profissional de seus diretores no ramo imobiliário.

Posts rescentes

Siga-nos

Deixe seu e-mail para receber novidades